Sábado, 2 de Junho de 2007

Dimensões

    

   

       Adormeces na penumbra deste anoitecer que chegou antes mesmo do tempo passar por nós. Nos teus braços repousas um corpo cansado. Em teu peito desagua um rio de lágrimas.   Esperas, na tranquilidade deste instante, a paz inalcançável.
       Para lá do quarto o mundo agita-se em convulsões sistemáticas. Aqui, por entre o cetim que te acaricia a pele nua, o silêncio é dono de todo o espaço e a atmosfera respira a placidez do paraíso. Na dimensão ao lado, olho-te, através desta parede de cristal que nos separa os corpos, mas é incapaz de nos desenlaçar as almas. As minhas mãos percorrem o vidro frio, procurando romper a barreira e sentir o cálido prazer de tocar na tua face. O meu corpo rende-se à impossibilidade de devorar o teu, deixando minha alma amar-te como apenas ela é capaz de fazer. Sento-me neste quarto paralelo, com esta janela imensa sobre ti, e deixo tocar aquela música que ambos encontrámos um dia como nossa, numa esquina da vida.
        Esta Noite, somos dois, corpos separados por entre espaços dimensionais diferentes, mundos diversos, escutamo-nos em segredo murmurar a esperança de encontrar o caminho para nos fundirmos de novo, no mesmo tempo, no mesmo espaço, naquele abraço apertado, naquela luxúria ardente que queima os corpos e une as almas para sempre. Olhamo-nos, através desta abertura mágica entre os nossos mundos, vemo-nos, distorcidos, disformes, mas conhecemo-nos demasiado tempo para termos qualquer dúvida daquilo que somos e sabemos ser.
        A Noite esvai-se entre a contemplação do outro e a música que quebrou o silêncio, entre as mãos que se espalmam sobre esta barreira de vidro e se sentem atrás dela, entre os corpos incandescentes que ofuscam na escuridão destes quartos escuros onde apenas as almas brilham, como o Sol da próxima manhã.

                                                                             Daniela Freitas
sinto-me:
música: Feint - Epica
reflexo de turma 12º 12 às 20:11

link do reflexo | reflectir | favorito
|

. por detrás dos reflexos

.pesquisar reflexos

 

.Novembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Reflexos Recentes

. Vandalismo Virtual

. Uña Experiência

. 091009

. Tempo

. K.O.ALA

. Obstinação

. Destino, a pedido

. (...)

. Por Favor

. Onanismo

. Sinos tocam no horizonte ...

. A Era da Igualdade

. Origem

. Onanismo

. É intenso

. Reflexos... pensamentos, ...

. Descrições de Uma Planaçã...

. Thesaurus

. A Título

. Hoje tanto faz

.Arquivos

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.tags

. todas as tags

.Outros Reflexos