Segunda-feira, 11 de Fevereiro de 2008

gangrena

do que tenho de bom comigo, nos escassos instantes, abdicava agora, se soubesse que o que vejo é produto de sonho. o céu que me pareceu malha de mescladas cores, algo tortuoso, cinematográfico, irreal, se me é permitido afirmar tal coisa, tem de ser o sonho de que posso acordar. tudo é difuso e demasiado inalcançável. chego a arfar com tanta ilógica. só gostava que caridosamente me acordassem dum só estridente grito para que assim respirasse de alivio e escapasse destes ensinamentos incómodos, pensamentos, reflexões, veneno para a alma.

o que deixaria para trás, veneno e placebo, seria facilmente ultrapassável com um vómito, sem traumas. tudo o que não gosto de sentir, saborear e experimentar deve ter um motivo. tem um motivo. não pertenço a nada disto. não lido bem com condicionantes.

03/02/08

gonçalo julião.

reflexo de turma 12º 12 às 08:26

link do reflexo | reflectir | favorito
|

. por detrás dos reflexos

.pesquisar reflexos

 

.Novembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Reflexos Recentes

. Vandalismo Virtual

. Uña Experiência

. 091009

. Tempo

. K.O.ALA

. Obstinação

. Destino, a pedido

. (...)

. Por Favor

. Onanismo

. Sinos tocam no horizonte ...

. A Era da Igualdade

. Origem

. Onanismo

. É intenso

. Reflexos... pensamentos, ...

. Descrições de Uma Planaçã...

. Thesaurus

. A Título

. Hoje tanto faz

.Arquivos

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.tags

. todas as tags

.Outros Reflexos