Sábado, 28 de Outubro de 2006

O Tempo

 

        Camaleónico inimigo, escapando como areia entre os dedos, horizonte inalcançável, furacão que arrasa tudo no seu caminho.

O tempo! Ninguém doma o tempo. Ninguém consegue pará-lo, pô-lo dentro de uma caixa de madeira envernizada, brilhando como os nossos olhos iludidos com esta visão. Ninguém consegue sequer pedir-lhe que volte atrás porque isso está para além dele próprio.

         Sim, porque não bastava que o tempo voltasse atrás. Mesmo que ele o fizesse, o chão não teria o mesmo cinzento, o céu não teria o mesmo azul e o brilho dos nossos olhos jamais seria o mesmo. Só o tempo seria igual, o mesmo ano, dia e até hora, mas mentalidades diferentes e emoções distintas, de quem vive algo pela segunda vez. Porque ninguém se surpreende duas vezes com o mesmo acontecimento.

         Certamente, o tempo é oriundo das profundezas do Inferno. De outro modo, porque razão nunca é amigável, prestável? Afinal porque razão o presente passa tão rápido e o futuro nunca mais chega? Não é maquiavélico?

         Mal acabo de proferir uma única palavra e esta já pertence ao passado, só para não me dar oportunidade de voltar atrás para a mudar, porque o passado não se altera.

         Mas se temos um objectivo futuro, então sim, o presente dura e dura… 

         O tempo diverte-se ao “trocar-nos as voltas” e ri-se sádico da nossa confusão. Portanto, só temos duas alternativas: ou desistimos e deixamos que o tempo nos arraste, mefistofélico (porque o tempo não pára mesmo que nós o façamos), ou surfamo-lo sobre as ondas da vida, mesmo sendo o tempo quem direcciona a nossa prancha.

Sílvia Marôco

tags:
reflexo de turma 12º 12 às 19:26

link do reflexo | reflectir | favorito
|
5 comentários:
De Anónimo a 2 de Novembro de 2006 às 11:08
pois é! e a gente anda para ai a dizer baboseiras e o tempo nao espera... amiga Silvia, sera por isso que tens tantos cabelos brancos...? hum?
De Anónimo a 2 de Novembro de 2006 às 11:15
Aaaa... esqueci-me de assinar: Gonçalo Julião. Só para ti Silvia.
De turma 12º 12 a 17 de Novembro de 2006 às 16:03
De facto, são forçosas as tuas duas conclusões. Só lamento, no entanto, o facto de não dizeres qual preferes...
Por outro lado louvo, também, esta tua opção uma vez que deste modo permites ao leitor tomar, ele mesmo uma posição sobre o assunto, com a autonomia que o deve caracterizar ao invés de conformar-se e adaptar-se "por arrasto e boleia" à opinião já formada.
De turma 12º 12 a 17 de Novembro de 2006 às 16:15
Mefistofélico... Palavras carase tão bonitas aqui se encontram; e eu a ler o teu texto, em que as palavras se soltam... Bem, vou calar-me... O texto está bom, e eu adoro ( e eu sei como tu temes ) a temática do tempo :.. O tempo quebra-nos a vontade, cicatriza as feridas e retratas-te ( se bem que acho que falta uma concentração)... Tu tocas ligeiramente no cerne da questão mas nunca te concentras nela, ou a usas para a divagar. Claro que sou eu para criticar?
De turma 12º 12 a 17 de Novembro de 2006 às 16:16
Já agora, quem te comentou foi David João ... Só para saberes a quem agradecer... Muah-muah-muah!!!

Comentar reflexo

. por detrás dos reflexos

.pesquisar reflexos

 

.Novembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Reflexos Recentes

. Vandalismo Virtual

. Uña Experiência

. 091009

. Tempo

. K.O.ALA

. Obstinação

. Destino, a pedido

. (...)

. Por Favor

. Onanismo

. Sinos tocam no horizonte ...

. A Era da Igualdade

. Origem

. Onanismo

. É intenso

. Reflexos... pensamentos, ...

. Descrições de Uma Planaçã...

. Thesaurus

. A Título

. Hoje tanto faz

.Arquivos

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.tags

. todas as tags

.Outros Reflexos