Sexta-feira, 17 de Agosto de 2007

Pensamentos esfumados

          

                                   

 

             - Queria saber pôr em palavras o que me vai na cabeça. Fumo este cigarro, mas não sabe a nada! Queria saber como transformar em fumo as palavras que não me saem da boca, para que se possam espalhar por aí , pelas pessoas.

            - Sabe, o fumo do tabaco incomoda a maior parte das pessoas.

            - Ora, bolas! Precisamente! Esta cambada de idiotas precisa de ouvir umas boas verdades! Precisa de ser incomodada! Se eu conseguisse transformar as palavras que quero no fumo do tabaco…

            - Então não seria só o senhor quem teria o poder de dizer as verdades... Muita gente fuma, como já reparou…

            - Ah! Fumam, mas o fumo incomoda-os! Cambada de idiotas! Cínicos! Hipócritas, são o que são! Se o meu fumo fosse as minhas palavras, soprava-o bem soprado para cima de certas e determinadas pessoas!

            - Ja disse, não pense que é o único que fuma...

            - Oh, rapariga! Nao venhas com tretas! Bem sabes que podem muito bem fumar, mas nenhum deles dá uso à inteligência nem ao fumo! Se fosse eu, se fosse eu… Eu… Eu intoxicava-os todos com o meu fumo! É o que eu digo, bem que precisam de umas boas verdades!

            O senhor dá mais uma passa no seu cigarro. A ponta queimada invade mais um pouco de território, a parte branca encolhe-se mais um bocadinho, timidamente.

            - Oh, menina, menina! Se soubesse o que eu diria a esses chico-espertos que andam por aí a falar muito, depois a enganar as pessoas e depois a ficaram todos ricos e, ah e tal, depois com muito dinheiro, muita mulher, mas afinal são todos uns corruptos, pá!

            - Mas, então, senhor, o que diria a esses espertalhões?

            O senhor olha estupefacto para a rapariga. Dá um gole na cerveja, paga a conta, apaga o cigarro e vai-se embora.

            A rapariga olha para o cinzeiro. A beata do senhor encosta-se às suas novas amigas e companheiras, outras beatas. Ela acende um cigarro, dá uma passa e liberta o fumo da boca. Espreguiça-se.

O fumo voa, voa bem alto, para longe. O vento modela o fumo e, aos poucos, letras de cor cinzelada ou branca, de leveza leve, como nuvens esfumadas, dançam no céu, numa festa de palavras, desenhando os pensamentos da rapariga: Afinal, este senhor é igual a todos os outros. Idiota, cínico  e hipócrita...”.


         D-Furikuri =)

 

sinto-me: OK
música: YOU - KAT-TUN
reflexo de turma 12º 12 às 21:10

link do reflexo | reflectir | favorito
|
3 comentários:
De Daniela Freitas a 7 de Setembro de 2007 às 12:44
parabéns ;) gostei imenso deste texto! fez-me pensar =)
acho que era esse o teu objectivo e conseguiste cumpri-lo =)
excelente texto para reflectir!
De turma 12º 12 a 15 de Setembro de 2007 às 00:52
Hum, bonito texto, muito teatral... Com uma bela simbologia...que dá.me uma ideia por acaso... só preciso de uma tarde livre...
De turma 12º 12 a 15 de Setembro de 2007 às 00:53
Claro que é, do seu um e único, João "Being For the Benefit of Mr. Kite"!

Comentar reflexo

. por detrás dos reflexos

.pesquisar reflexos

 

.Novembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Reflexos Recentes

. Vandalismo Virtual

. Uña Experiência

. 091009

. Tempo

. K.O.ALA

. Obstinação

. Destino, a pedido

. (...)

. Por Favor

. Onanismo

. Sinos tocam no horizonte ...

. A Era da Igualdade

. Origem

. Onanismo

. É intenso

. Reflexos... pensamentos, ...

. Descrições de Uma Planaçã...

. Thesaurus

. A Título

. Hoje tanto faz

.Arquivos

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.tags

. todas as tags

.Outros Reflexos