Quarta-feira, 1 de Agosto de 2007

Para os meus amigos...professores incluidos

Primeiro sentia falta de VOCÊS, porque não vos conhecia e tinha necessidade
de encontrar amigos assim...como VOCÊS.Impossíveis de descrever e
insubstituíveis.
Nas férias e nos fins- de-semana sentia falta de VOCÊS, porque precisava de
falar com alguém que me entendesse, precisava de estar com alguém que me
fizesse bem, precisava de partilhar com alguém sorrisos, gargalhadas, choros,
tristezas, brincadeiras, descobertas, conhecimentos, aventuras e muitas
loucuras.. coisas saudáveis que permitem criar bases fortes para uma amizade
duradoura, que transformam as pessoas e nos dão memórias inesquecíveis.

Agora sinto a falta de VOCÊS, porque já vos conheco e ganhei por VOCÊS uma amizade muito forte e sincera e, de uma forma ou de outra, acrescentaram
algo à minha vida. Temperaram-na com beijos, gestos, palavras...muitas
palavras e tantos sorrisos.

A distância física entre nós aumentou, mas a nossa amizade é suficientemente
verdadeira para ultrapassar todos os obstáculos e mais algum e manter -se
intacta, exactamente igual como se eu estivesse com VOCÊS agora, neste
preciso momento, porque VOCÊS são as peças do puzzle do meu Eu. VOCÊS completam- me.

E finalmente, sinto falta de VOCÊS e espero senti-la o resto da minha vida,
porque isso significa que ainda estou viva.

Em VOCÊS, eu encontro as forças de que preciso para continuar a existir, para
continuar a sorrir, para continuar a tentar, para continuar tudo.

Adoro- vos e sentirei sempre a falta de VOCÊS. São muito especiais.

" Every step i take/Every move i make / Every single day/ Every time i
pray/I'll be missing you!"

31/jul/2007 By Tânia Briffe

P.S.: Não se habituem a estas lamechiches, hã? 
reflexo de turma 12º 12 às 22:43

link do reflexo | reflectir | favorito
|
9 comentários:
De turma 12º 12 a 1 de Agosto de 2007 às 23:54
Assim sim! Grande texto, nem parece teu! ( Não me batas!)

Claro que tens saudades nossas, afinal, eu estou incluindo nesse "Vocês" e pessoa que não sinta saudades minhas não é pessoa sequer. E tu para sentires tão grandes saudades, é porque tens de ser uma grande pessoa então! É apenas lógico!

Ai a minha desgraçada! Ainda ontem fizemos-te um brinde, no almoço de despedida da Daniela, que vai-se pirar... amanhã! Lembra-te de quem tu és, Tânia Briffe. Tem sempre a certeza de ti e do que fazes, o melhor papel que alguma vez irás representar nesta vida, é o de ti. Mantém a cabeça sempre em pé e com coragem de dizer aos outros "Não, não fui eu que lhe pisei o seu pé"... ou "Não vou por aí", tanto faz.

Nunca te vás a baixo, porque a Tânia Briffe que eu conheço não se vai abaixo. Muito Amor!!!

João
De Briffe(carta em holandes) a 2 de Agosto de 2007 às 13:57
grande moral que o senhor tem lol obrigado pelo vosso apoio( estou farta de dizer isto mas e verdade). Pois e a nossa bochechinhas já se foi :s Temos de juntar dinheiro para irmos a Macau visita-la. Olha que eu não sou isso tudo que vocês dizem mas eu prometo que vou tentar e não te preocupes, se eu cair vou me levantar porque tenho quem me de a mão( VOCÊS) Beijao desgraçado still miss you
De Briffe(carta em holandes) a 2 de Agosto de 2007 às 13:59
ah olha fica sabendo que sou uma grande escritora. tenho um metro e sessentae seis centímetros, quase um metro e setenta ih ih bju desgraçado
De Daniela Freitas a 2 de Agosto de 2007 às 14:20
Fico muito feliz por saber que todos nós, cada um de maneira diferente e especial, temos um lugar no teu coração... É bom saber que temos verdadeiros amigos, com quem podemos partilhar não só as coisas boas mas também as coisas más e, acima de tudo, sabermos que fazemos parte do seu " Eu "... =)
Este texto é um dos mais bonitos que eu já li, não só pela pessoa que o escreveu, mas também pela sua sinceridade e pelo sentimento que está expresso, o sentimento mais belo que existe, a amizade. E concordo absolutamente com o que escreveste em relação à distância física que nos separa de ti, pois mesmo que tu estejas longe, ao mesmo tempo também estás perto de nós, porque estás no nosso coração e as memórias que guardamos tuas fazem com que sejas inesquecível... Eu adorei conhecer-te e mesmo que não tenhamos estado muito juntas e falado muito uma com a outra, as vezes em que o fizemos, que não foram assim tão poucas, já foram suficientes para ver a pessoa espectacular que tu és... Sei que já te disse isto antes, mas vou voltar a repetir: És uma rapariga muito forte e lutadora... Muitas pessoas deviam seguir o teu exemplo e ter a tua coragem, incluindo eu =) Se há uma coisa que eu aprendi contigo foi nunca desistir de lutar e erguer a cabeça face aos obstáculos... E aposto que enquanto escrevias o texto, estavas a chorar... Nesse aspecto, és igual a mim =) Qual de nós a mais chorona? lol
Agora só desejo que te corra tudo bem e que consigas triunfar! Tenho a certeza de que ficarás bem ;) Comigo e com todos os teus amigos e professores, já sabes que podes contar sempre =) Gosto muito de ti =) bjs
De TheSecondReflex a 2 de Agosto de 2007 às 18:06
Acho que já disseram tudo...Gosto muito de vocês=)
De Terry C. a 2 de Agosto de 2007 às 18:17
já disse tudo o que te queria dizer, tenho a certeza que fizeste dessas palavras oração da noite e que as agarraste com força.
neste momento as palavras não chegam por isso dou-te um sorriso, neste momento sorrio.
esboço um sorriso rasgado para ti e para quem gosto.
beijo.
obrigado.
De silvia a 6 de Agosto de 2007 às 13:32
Tania! Sua grande maluca! ve la se nao desistes e nao desanimas agora ok? isso nem é do teu feitio. E, dps quando tiveres as cenas resolvidas(vais ter, é uma certeza e nao podes contra-argumentar) podes vir visitar nos que nos deixamos pq td a gente sabe que tens imensas saudades nossas afinal nao é tds os dias que encontras amigos como nos.lol beijao grande e força ai!
De Dani-ela a 6 de Agosto de 2007 às 21:14
Hum, afinal sempre puseste o texto! =Pp
Verdade seja dita, dizes tu que o teu texto esta lamechas? Os comments estao mais!!! xD
Mas o texto esta nice =) sincero sobretudo ; )
Beijinhos,
Miss You All.

(Desculpem a falta de acentos, teclado do "Oliente" e assim... Isto irrita-me imenso, mas paciencia...)
De Terry C. a 22 de Setembro de 2007 às 12:29
reli
senti-me exactamente como da primeira vez
fraco
mas sorri de novo, pk me senti tão estúpido por saber que estás a ser forte num ambiente que não é o teu e eu estar a sentir isto...
ok
ja podes dizer que me sentiste assim, porque te disse que nunca choro, o que é bastante verdade...
bj
doentyta, vais ter os teus filipinos made in "minipreço", juro!

Comentar reflexo

. por detrás dos reflexos

.pesquisar reflexos

 

.Novembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Reflexos Recentes

. Vandalismo Virtual

. Uña Experiência

. 091009

. Tempo

. K.O.ALA

. Obstinação

. Destino, a pedido

. (...)

. Por Favor

. Onanismo

. Sinos tocam no horizonte ...

. A Era da Igualdade

. Origem

. Onanismo

. É intenso

. Reflexos... pensamentos, ...

. Descrições de Uma Planaçã...

. Thesaurus

. A Título

. Hoje tanto faz

.Arquivos

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

.tags

. todas as tags

.Outros Reflexos